Quem escreve

Lola Sarmento

Lola Sarmento

Trabalho em consultório há mais de 30 anos,com gestantes, mães e seu bebês, adultos, crianças e orientação de pais. Sou formada em psicanálise pela Sociedade Brasileira de Psicanálise Winnicottiana.

Amor de Mãe!

Publicado por Lola Sarmento em Papo de mãe

A cada dia das mães acontece a mesma coisa. Penso na minha mãezinha, hoje com seus oitenta e oito anos, ao lado do meu pai com seus noventa e um anos, com que aprendi a maior lição de amor. A minha homenagem é para ela, e para todas as mães. É também para todos os [...]

Amar, cuidar, rezar e vigiar.

Publicado por Lola Sarmento em Papo de mãe

  Lendo aqui e ali pelos grupos do Facebook passei por relatos incríveis. Desde uma mãe de um bebê de dezesseis meses, desesperada sem dormir a tempos numa situação um tanto inusitada com seu filhote: – “ele me acorda a noite toda, quer mamar, morde forte meus seios, a ponto de estar toda machucada, e [...]

O Mundo encantado do coelhinho da Páscoa

Publicado por Lola Sarmento em Papo de mãe

(Em homenagem a Tatá) Viajei de férias na Páscoa! Lá então pude encontrar crianças felizes fora da sessão de análise. Brincar. Rir. Pular… Apenas porque são crianças. Delícia! Voltar no tempo da infância, do faz de conta, do correr atrás, e morrer de rir. Entrar no fantástico mundo da imaginação e sair dele como se [...]

O medo!

Publicado por Lola Sarmento em Papo de mãe

- Mãe “tô” com medo! – De quê? – Do escuro. Pois é tem umas fases em que nossos pequenos sentem medo. E por mais que para nós sejam medos infundados, para eles são medos reais. – Medo do escuro; – Do bicho papão; – Do ladrão; – Do fantasma; – Do monstro. Enfim uma [...]

Limites- Como ter um pulso firme?

Publicado por Lola Sarmento em Papo de mãe

A criança vem ao mundo, munida de um aparato exploratório de curiosidade. Nada sabe sobre riscos, normas e valores. Apenas tem sede de viver e conhecer o mundo. No tempo de nossos avós os limites eram bem claros. -Não se fala na mesa, criança dorme cedo, hora de criança é separada da hora dos adultos. [...]